quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Mais Informações sobre a Tragédia das Barragens em Mariana


A presidente Dilma anunciou nesta quinta-feira que a mineradora Samarco será multada em pelo menos R$ 250 milhões pelo rompimento de duas barragens em Mariana (relembre o caso aqui). Dilma classificou a multa, a ser aplicada apelo Ibama, como preliminar, dando a entender que a empresa poderá sofrer outras sanções. Veja abaixo o antes e o depois.





Em Mariana, pelo menos seis pessoas morreram. Dois corpos aguardam identificação. Vinte pessoas estão desaparecidas. O subdistrito de Bento Rodrigues ficou devastado. Dilma seguiu para Colatina, no Espírito Santo, para onde a lama das barragens também avançou. Veja o caminho da lama na figura abaixo.


Reação do Mercado

Considerando as cotações de um dia antes do acidente (4), as ações ordinárias da Vale caíram, até esta quinta-feira, 13,5% (de R$ 17,40 para R$ 15,05). As preferenciais perderam 10,72% (de R$ 14,08 para R$ 12,57). A Vale é parceira da anglo-australiana BHP Billiton no controle da mineradora Samarco, envolvida no desastre de Mariana (MG), ocorrido dia 5.


Fonte 1
Fonte 2
Fonte 3

4 comentários:

  1. Uó sempre vejo notícias de aplicação de multas para grandes empresas, mas quantas realmente foram pagas, nunca vi nada a respeito. Veja a Operação ZELOTES da PF, as próprias empresas fazem parte do conselho na Receita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Brasil sempre foi um apaís de impunidade, porém parece estar melhorando, tenho esperanças...

      Excluir
  2. O Governo dá com uma mão e tira com a outra, pois havia financiamentos milionários por parte do BNDES. A população infelizmente é a única vítima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A população perde nas duas pontas: na destruição do local e na futura falta de emprego e queda de arrecadação.

      Excluir